Soajo

Passar uns dias no Soajo (Arcos de Valdevez) é como regressar ao tempo em que os jornais chegavam sempre atrasados. Há um talho, uma padaria, uma igreja e uma loja que vende tudo. Há uma dependência bancária que abre uma vez por semana – o que provoca consideráveis filas de espera no largo – e a funcionária de uma farmácia da vila que leva receitas e traz medicamentos.

Depois há o Espigueiro, restaurante com forno a lenha e que confeciona o melhor bolo de bolacha que alguma vez provei! E há a Casa do Adro de onde eu trouxe, como oferta dos donos, compota caseira, vinho verde, limões e pêras. E há a languidez dos dias, e das noites, e do canto das cigarras.

espigueiro

Espigueiro - Soajo

espigueiro 2

Advertisements
Esta entrada foi publicada em Portaria com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s